Intercâmbio, Notícias

21 de maio de 2015

Estudantes terão 8 meses de visto na Irlanda

Tags:, , , , ,

O Conselho de Ministros deve divulgar amanhã a redução no período do visto de estudantes de 12 meses para 8. As medidas foram levados ao conselho pelos ministros da Educação, Jan O’Sullivan, e da Justiça, Frances Fitzgerald. As novas regras devem começar a valer a partir de outubro deste ano. A informação foi publicada hoje no portal Irish Examiner.

A redução deve ter impacto direto no período de holidays, quando o aluno pode trabalhar até 40 horas semanais. Atualmente, esse período vai de maio a agosto, e entre 15 de dezembro e 15 de janeiro. Com as novas regras, essa permissão deve cair para apenas dois meses, que ainda não foram definidos.

Além da redução no período de permissão, o governo também pretende apertar ainda mais o cerco contra as escolas de inglês. Segundo a publicação, alguns programas de educação para fins de imigração estudante será restrito. As escolas de inglês também serão obrigadas a demonstrar terem atingido um padrão de qualidade aceitável.

A divulgação das novas regras de imigração ocorre após escândalos de escolas de idiomas acusadas pelo Departamento de Justiça de serem “fábricas de visto”. No último mês, Dublin teve a 14ª instituição de ensino fechada, desde abril do ano passado. A última escola a ter as atividades encerradas foi a IEA (International Education Academy), que fechou as portas após uma denúncia de fraude junto à imigração. Segundo o Departamento de Justiça, a escola ministrava aulas de inglês para estrangeiros não-europeus, mas fornecia aos estudantes um documento de imigração constando um curso CTH, voltados a turismo e hotelaria.

Leia também: Fim dos holidays na Irlanda? Confira nossa entrevista com o MEI

Foto: divulgação

Receba Nossas Novidades
Nós respeitamos sua privacidade

Comentários

Comentários

24 thoughts on “Estudantes terão 8 meses de visto na Irlanda

  1. Olá,
    bom vou deixar meu ponto de vista sobre essa reformulação da parte da imigração. Acredito que as medidas tomadas são mais que justas, e por que não dizer bem oportunas, pois infelizmente muitos que estavam indo fazer intercâmbio na Irlanda não estavam com motivações genuínas. Para alguns fazer intercâmbio na Irlanda havia se tornado uma oportunidade de “fazer dinheiro”, tanto na parte de alunos como também de escolas picaretas!
    Se esta ação da parte do governo irlandês concretizar-se, será benéfico para nós mesmos (os alunos), pois com certeza, os que iriam para apenas “trabalhar” e burlar as leis, simplesmente não estarão lá, e com isso haverá uma grande demanda de vagas tanto nas hospedagens permanentes como também mais oportunidade de emprego para os estudantes genuínos. Sem contar que as escolas serão fortemente “pressionadas” a dar uma qualidade de ensino para nós.

    Sem querer ser demagogo ou hipócrita, mas esta é a minha sincera opinião.
    Abraço.

    Anderson Tückmantel.

    1. Realmente, faz sentido.. Mas diminuir para 8 meses é prejudicial pra muitos, pois eu nao vou focado só no tranalho, por exemplo, quero mesmk estudar, mas minha unica fonte de renda seria o trabalho para pagar um novo curso e conseguir atingir meus objetivos de formação! Pois pretendo também fazer cursos de especialização! 2 meses é um periodo muito curto para se conseguir um emprego, tendo em vista a grande demanda e competitividade, preços de alugueis que estão caríssimos, e outras contas! Tenho a melhor das intenções, mas não sou rico! Sem contar que trabalhar no exterior é excelente em todos os quesitos e pra ambos os lados (país: ganha com a mao de obra externa e experiencia multicultural e o aluno: formaçao profissional, experiencia multicultural, e quem sabe ter condiçoes pra pagar novas formações posteriormente!) o lado ruim ta pesando bastante na minha concepção…

    2. Foi sem querer ser “hipócrita” que você usou da sua hipocrisia!
      É praticamente impossível juntar dinheiro na Irlanda, fazer fortuna!
      Digo por parte dos alunos é claro! Qualquer um que trabalhe muitas horas, vai ter no mínimo uma qualidade de vida melhor aqui, apenas isso.
      Agora me diz com toda sua “demagogia” e nenhuma inteligência,.,, como AGORA com 8 meses de visto e apenas 2 meses de trabalho full time, os alunos GENUÍNOS serão beneficiados???
      Sempre estudei e sempre trabalhei dentro da lei e sempre vi que para trabalhar.,, ou você fala inglês ou é indicado por alguém!
      Então por favor!
      Todo brasileiro que vem para a Irlanda, consegue tirar bom proveito de tudo!
      Talvez vc tenha passaporte europeu e por isso crítica os estudantes que trabalham mais horas ou os que por qualquer motivo faltam nas aulas.
      Mas uma coisa eu percebi no seu pobre comentário…
      Não importa o que vc tem, vc é e continuará sendo um brasileiro genuíno!
      Vc pode até sair do Brasil, mas o Brasil jamais sairá de você!
      Ou seja, hipocrisia é demagogia camufladas dentro de você!

    1. Lucas, tudo bem? Neste caso, você deve contatar a sua agência. Como o jornal diz que as mudanças deverão começar a vigorar no outono e você vem bem no início de outubro, fica difícil saber se conseguirá pegar as atuais regras vigentes.

  2. Aonde voce achou essa fonte? eu fui na banca comrpar o jornal nao diz isso em parte nenhuma da materia, e nem no site.. de onde vcs tiraram essa informacao ?

  3. Nossa, também estou indo em 01/10 (já paguei a escola) e já ia comprar as passagens, melhor eu aguardar né, por que qualquer coisa antecipo o curso ou até mesmo mudo de destino, também pretendo estudar, e quem sabe arrumar um emprego na minha área e 4 meses fazem toda a diferença, concordo plenamente com o Felipe, a causa é nobre mas o lado negativo está muito pesado. 🙁

  4. Ola, isso se aplica para quem tem cidadania européia? No meu caso, tenho cidadania portuguesa.
    E sobre o trabalho, trabalhos part-time sao apenas nesses meses citados na materia?

    1. Olá, Lucas, estas novas regras se aplicarão aos estudantes estrangeiros, com passaportes brasileiros, por exemplo. Sobre a carga horária, temos que esperar o anúncio oficial da imigração para saber como vai ficar. Fique ligado no nosso blog que assim que sair o anúncio oficial, vamos publicar 🙂

      1. Uma dúvida, se está programada a lei entrar em Outubro, se caso eu vá em JULHO, posso tirar ainda o visto de um ano? Ou eles vão mudar para todos, quem está chegando, quem já estará lá?

  5. Ops..
    Uma dúvida quanto a esses meses em que podemos trabalhar 40h.. Precisamos estar de férias na escola para ter a permissão do governo pra trabalhar 40h ou podemos estudar e trabalhar full-time ao mesmo tempo?

    1. Oi, Gabriela, tudo bem? Sobre a carga horária, temos que esperar o anúncio oficial da imigração para saber como vai ficar. Fique ligado no nosso blog que assim que sair o anúncio oficial, vamos publicar 🙂

  6. Isso é muito prejudicial, até mesmo para quem pretende ir com intenções reais de estudar. Há formas muito fáceis de controlar isso. Basta que as escolas tenham leitores biométricos e que os alunos “batam ponto” na entrada e na saída das aulas.

  7. Olá, fiquei com uma dúvida o visto de 8 meses será valido apenas para quem chegar depois de outubro? Eu fechei para chegar em agosto, no meu caso meu visto seria de 12 meses?

  8. Olá,

    Eu entrei no site daquele colunista onde vocês indicaram ser a fonte de vocês para publicar essa matéria.

    Vocês poderiam informar qual a fonte dele também? Pois li a página do começo ao fim e em nenhum momento menciona a fonte dele, e principalmente, se essa fonte é governamental ou não.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Show Buttons
Hide Buttons
error: Content is protected !!