Cultura, Curiosidades, História, Lugares, Viagens

29 de dezembro de 2015

Tradições de Ano Novo ao redor do mundo

Tags:, , ,

Foto: Tumblr

 

Estamos acostumados com as tradições de vestir roupas brancas, comer romã e guardar as sementes na carteira. Porém, outras tradições estão espalhadas ao redor do mundo.

 

ROMÊNIA

Foto: divulgação
Foto: divulgação

Na Romênia, é tradição tentar ouvir animais falando. Caso não dê certo, quer dizer que é sinal de boa sorte. Há também o ritual para boa sorte, chamado “dança do urso”, quando romenos usam fantasias de urso e saem pelas ruas.

[spacer color=”264C84″ icon=”fa-th-large”]

IRLANDA

Foto: divulgação
Foto: divulgação

Na Irlanda, costuma-se bater com um pão nas paredes da casa, para espantar maus espíritos e má sorte.
[spacer color=”264C84″ icon=”fa-th-large”]

ÁFRICA DO SUL

Foto: divulgação
Foto: divulgação

Em Joanesburgo, é tradição jogar móveis antigos pela janela.

[spacer color=”264C84″ icon=”fa-th-large”]

SIBÉRIA

Foto: divulgação
Foto: divulgação

No país, deve-se entrar em um rio congelado enquanto carrega uma árvore.

[spacer color=”264C84″ icon=”fa-th-large”]

PERU

Foto: divulgação
Foto: divulgação

Lá ocorre um festival chamado “Takanakuy”, em que “inimigos” resolvem suas desavenças entre tapas e socos, para começar o ano com problemas solucionados.

[spacer color=”264C84″ icon=”fa-th-large”]

ESCÓCIA

Foto: divulgação
Foto: divulgação

Com direito a tochas e tudo mais, os escoceses realizam um desfile viking.

[spacer color=”264C84″ icon=”fa-th-large”]

ALEMANHA

Foto: divulgação
Foto: divulgação

Na terra do salsichão, a tradição é decorar com porquinhos de chocolate e marzipã, devido ao símbolo de sorte e fartura. Também na véspera da virada, é costume passar o filme “Dinner for one”, de 1963, que é exibido em qualquer lugar, até em bares.

[spacer color=”264C84″ icon=”fa-th-large”]

TAILÂNDIA

Foto: Getty images
Foto: Getty images

Chamado de “Songkran”, o ano novo tailandês é comemorado com uma guerra de água. Seja pistola, bexiga ou balde, o objetivo é molhar todo mundo, já que é considerado como uma forma de benção.

[spacer color=”264C84″ icon=”fa-th-large”]

CANADÁ

Foto: divulgação
Foto: divulgação

No dia primeiro de janeiro, é costume mergulhar em rios gelado em troca de promessas feitas por amigos e familiares, chamado de “mergulho do urso-polar”.

[spacer color=”264C84″ icon=”fa-th-large”]

COLÔMBIA

Foto: Paula Vélez | Flickr
Foto: Paula Vélez | Flickr

A tradição colombiana se parece com um costume brasileiro de outra data: a malhação de Judas. Eles fazem um boneco de pano chamado Año Viejo (Ano Velho), com o rosto de uma personalidade polêmica ou malvista e depois o espancam e incendeiam em seguida!

[spacer color=”264C84″ icon=”fa-th-large”]

DINAMARCA

Foto: David E Wilkinson | Flickr
Foto: David E Wilkinson | Flickr

Na noite de Réveillon é uma tradição dinamarquesa deixar pratos com comida na porta da casa dos amigos ou familiares mais queridos. Quanto mais pratos na porta, mais amigos a pessoa tem. Mas também existe uma variação mais estranha desse costume: as pessoas também quebram pratos na frente da porta dos amigos. E durante a virada, os dinamarqueses sobem e pulam de cadeiras. O ritual afasta maus espíritos e traz boa sorte, segundo a tradição.

[spacer color=”264C84″ icon=”fa-th-large”]

FILIPINAS

Foto: divulgação
Foto: divulgação

Lá a tradição é usar roupas com estampas de bolinhas e comer coisas redondas na noite de Ano Novo. Os filipinos acreditam que os círculos são símbolos de prosperidade, da continuidade e do infinito, já que não dá pra saber onde eles começam e terminam.

[spacer color=”264C84″ icon=”fa-th-large”]

ITÁLIA

Foto: divulgação
Foto: divulgação

Os italianos seguem várias tradições de Ano Novo: comem lentilha pra trazer boa sorte, usam um peça de roupa vermelha, beijam alguém embaixo de uma planta chamada Visco, vestem uma roupa nova e jogam fora uma velha. Na Sicília, nenhuma tarefa é iniciada perto da virada, porque não terminá-la ou fazê-la às pressas dá azar. Em Nápoles, jogam-se pela janela objetos velhos para se livrar das coisas ruins do ano velho.

[spacer color=”264C84″ icon=”fa-th-large”]

JAPÃO

Foto: divulgação
Foto: divulgação

Eles adoram mandar cartões de Ano Novo, são pelo menos 2 bilhões de cartões enviados todo ano. E mais curioso ainda, é que as as crianças japonesas gostam mais do Réveillon do que do Natal, e têm uma ótima razão pra isso: a tradição por lá, chamada “otoshidama”, é dar dinheiro aos pequenos. Para alguém no colegial, por exemplo, o valor fica entre 5 mil e 10 mil ienes (R$ 125 e R$ 270) de cada adulto.

[spacer color=”264C84″ icon=”fa-th-large”]

PAÍS DE GALES

Foto: divulgação
Foto: divulgação

Para os galeses, a meia-noite do dia 31 de dezembro é o prazo final para pagar todas as dívidas do ano. Eles acreditam que começar o ano devendo traz má sorte e os condena qualquer um a passar o resto do ano no vermelho.

 

Receba Nossas Novidades
Nós respeitamos sua privacidade

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Show Buttons
Hide Buttons
error: Content is protected !!