Cultura

16 de fevereiro de 2017

Conheça as maravilhas de Moçambique

Tags:, ,

Por mais que não pareça um destino óbvio num primeiro momento, Moçambique é um país incrível para se conhecer: além da facilidade da língua, é um destino principalmente para aqueles que gostam de estar em contato com a natureza e que procuram aproveitar cada momento como sendo uma memória única.

Moçambique está localizado ao sudeste do continente africano, fazendo fronteira com a Tanzânia, Malawi, Zâmbia, Zimbábue, Suazilândia e África do Sul. Banhado pelo Oceano Índico, Moçambique possui vários recursos naturais, como ouro, alumínio e outros metais que servem como matéria prima para produtos de tecnologia.

Assim como outros países africanos, Moçambique foi colonizado no final do século XV e início do XVI pelos portugueses, que viam na localização estratégica do país um bom lugar para a construção de postos e fortalezas comerciais. Isso fez com que a hegemonia comercial e militar árabe fossem abafadas ou exterminadas, abrindo espaço para o sucesso da expansão europeia para o Oriente.

Conheça as maravilhas de Moçambique

A exploração de ouro fortaleceu ainda mais a hegemonia portuguesa em Moçambique, que ia explorando o interior e criando centros luso-africanos defendidos por grandes exércitos de escravos africanos.

Muito do que aconteceu em Moçambique é semelhante à história do Brasil e a colonização dos portugueses: a miscigenação com os habitantes locais, a criação de pequenas colônias, a necessidade de pagar à Coroa Portuguesa um determinado valor referente às transações comerciais e a escravidão são alguns dos exemplos.

Isso tudo acabou minando muito da cultura local e fez com que o país demorasse muito para recuperar sua identidade. A dominação portuguesa era tão absurda que, no começo do século XX, Portugal privatizou a administração de Moçambique para empresas que eram controladas pelos britânicos.

Conheça as maravilhas de Moçambique

Como já era de se esperar, as coisas não deram muito certo. O sentimento de insatisfação e a urgência por mudanças eram tão grandes que começaram a pipocar os primeiros movimentos políticos revolucionários pelo país. Em 1964, a Frente de Libertação de Moçambique iniciou uma campanha de guerrilha contra o governo português. Junto com Angola e Guiné, tornou-se parte da Guerra Colonial Portuguesa, conflito que durou até 1974.

A independência de Moçambique de Portugal se deu no dia 25 de junho de 1975. Ainda assim, demorou muito tempo para que as coisas se acertassem no país: foi só em 1992, depois de passar por governos marxistas e repletos de políticas radicalistas e persecutórias, que a paz e o desenvolvimento começaram a engatinhar por Moçambique.

Ainda assim, o país engatinha muito na questão política e no desenvolvimento econômico. Também envolvido em vários escândalos de corrupção, Moçambique procura desenvolver e aplicar leis anticorrupção para criminalizar o desvio de dinheiro, tráfico de influência e corrupção.

O turismo em Moçambique

Conheça as maravilhas de Moçambique

Mesmo com uma história conturbada, Moçambique é um país que tem lugares incríveis para se praticar o turismo de aventura e estar em contato com a natureza. São lugares onde é possível aproveitar os momentos e guardar memórias incríveis com cenários de tirar o fôlego e uma cultura própria e que mescla alguns costumes das tribos locais e dos portugueses.

Separamos alguns lugares incríveis que você não pode deixar de conhecer em Moçambique. Prepare a sua câmera fotográfica que você vai ficar de boca aberta com os destinos que separamos!

Ilhas Quirimbas

Conheça as maravilhas de Moçambique

Quirimbas é um arquipélago de ilhas de corais do Oceano Índico, localizadas na costa da província de Cabo Delgado, ao norte de Moçambique. E que visual você encontra nesta região! A água é cristalina e é possível conviver com pescadores e pessoas bem simples.

Um cronista chamado António Bocarro descreveu as ilhas em 1634 com muita poesia e uma grande paixão do que ele havia visto. Quirimbas é formada por cerca de 50 pequenas ilhas, que estão dispostas no eixo norte-sul na foz do rio Rovuma e na baía do rio Quissanga.

A ilha mais populosa e mais visitada pelos turistas é a Ibo, que é vizinha da ilha Quirimba. Onze ilhas fazem parte do Parque Nacional das Quirimbas, que abrange seis distritos da província de Cabo Delgado.

A acomodação na região pode ser feita em hotéis ou pousadas de vários tipos de tamanho. Mas o gostoso mesmo é poder ficar num lugar simples e aproveitar ao máximo a vista incrível que as Ilhas Quirimbas oferecem ao turista. E uma curiosidade: a Unesco escolhe de tempos em tempos as maravilhas naturais do mundo, e as Ilhas Quirimbas figuraram na lista de pré-selecionados.

Parque Nacional da Gorongosa

Conheça as maravilhas de Moçambique

O Parque Nacional da Gorongosa é uma área de conservação ambiental localizado no coração de Moçambique. Com pouco mais de 4.000 km², é uma área com visual incrível e muita natureza: Gorongosa fica num vale com vários rios que cortam o Parque e criam um ecossistema único e diversificado em função das cheias.

É possível encontrar áreas com acácias, savanas, florestas secas em zonas desérticas, lagoas que enchem no período de chuva, moitas e floresta de miombo e tropical. Antigamente, existiam inúmeras espécies em Gorongosa, como carnívoros, herbívoros e mais de 500 espécies de pássaros.

Porém, Gorongosa tem uma história triste: durante os 30 anos da Guerra Civil de Moçambique, cerca de 95% do ecossistema lá presente foi diminuído. A partir de 1995, iniciou-se um plano de recuperação do Parque, que foi aperfeiçoado em 2004, quando o governo moçambicano se associou à Carr Foundation para restaurar a infraestrutura do Parque, bem como a população de fauna e flora e incentivar o desenvolvimento da economia local.

Desde 2008, a Carr Foundation é a responsável por administrar e restaurar o parque. O governo de Moçambique assinou um contrato de 20 anos com a empresa depois do sucesso do programa de restauração, que conseguiu recuperar 6.000 hectares (aproximadamente 60 km²) em apenas dois anos do início do projeto. Em 2010, o Parque foi ampliado pelo governo de Moçambique.

A visita ao parque é feita com guias, e é possível se deparar com animais selvagens e contemplar toda a diversidade natural presente no local. O mais impressionante é a possibilidade de observar a transição natural de um ecossistema para o outro. É um passeio único e que mostra como o ser humano é apenas uma pontinha da imensa diversidade e força da natureza.

Ilha de Benguerra

Conheça as maravilhas de Moçambique

Se você prefere um destino no litoral, não pode deixar de conhecer a Ilha de Benguerra: ela é a segunda maior ilha de Bazaruto, um grupo de seis ilhas que ficam mais ao sul de Moçambique e fazem parte do Parque Nacional Marinho.

Benguerra é um lugar incrível e extremamente memorável: com água cristalina e areia branca, é um lugar ideal para a prática de mergulho, bem como pela possibilidade de conviver com a população local que é bem simples e ainda vive da pesca.

A Ilha é um lugar muito cobiçado pelos casais em lua de mel, já que é um local tranquilo e com pousadas e hotéis que oferecem muito conforto num cenário paradisíaco e que traz muita paz.

Lago Niassa

Conheça as maravilhas de Moçambique

O Lago Niassa é um dos Grandes Lagos Africanos e fica localizado no Vale do Rift, que fica entre o Malawi, Tanzânia e Moçambique. Ele tem 560 km de comprimento, 80 km de largura máxima e uma profundidade máxima de 700 metros. A sua área estimada é de 31 mil km², sendo que 6.400 km² fazem parte do território moçambicano.

A visita a esse lugar oferece uma experiência única de contemplação, já que o Lago Niassa é uma formação única em todo o planeta: ele forma uma bacia biogeográfica com cerca de 400 espécies de peixes que são consideradas endêmicas, isto é, só existem naquela região.

O Lago Niasso também faz parte do Parque Nacional do Lago Malawi, que abrange a extremidade sul do lago, algumas ilhas e uma região de floresta tropical e zona aquática que fica em Malawi. Desde 1984, o parque faz parte da lista de Patrimônio Natural da Humanidade e, desde 2011, passou a integrar a lista de zonas úmidas protegidas pela Convenção de Ramsar.

Fortaleza de Maputo

Conheça as maravilhas de Moçambique

A Fortaleza de Maputo não é muito conhecida pelos turistas, mas trata-se de um local repleto de história e com uma visão incrível do litoral moçambicano a partir das suas torres. O forte é localizado no Porto de Pesca da cidade de Maputo, e foi erguido com pedra vermelha e participou de vários embates e tentativas de invasões piratas. Imagine o tanto de história que aquele lugar viveu!

Com tantas batalhas, o forte foi muito danificado e só em 1946 é que foi reconstruído e restaurado. Um lugar extremamente curioso e que você não pode deixar de visitar é a Árvore Histórica, que existe junto ao Portão das Armas e foi preservada.

A Fortaleza de Maputo também abriga o Museu Histórico de Moçambique e o Museu de História Militar, que é administrado pela Universidade Eduardo Mondlane e possui uma exposição permanente que possibilita o conhecimento e aprofundamento da história moçambicana.

Se você gostou de saber mais sobre Moçambique, compartilhe com seus amigos e acompanhe sempre o blog para ler os artigos diários.

Receba Nossas Novidades
Nós respeitamos sua privacidade

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Show Buttons
Hide Buttons
error: Content is protected !!